17 de jun de 2013

Lâminas de Histologia: Tecido Epitelial Estratificado Pavimentoso Queratinizado (pele)



Como exemplo de tecido epitelial estratificado pavimentoso queratinizado temos epitélio da pele.

A pele é formada por duas partes principais. A parte superficial é composta por tecido epitelial. É chamada epiderme. A parte mais profunda é composta por tecido conjuntivo e é chamada de derme. A epiderme se diferencia da derme pela presença de células justapostas, enquanto na derme há uma abundante matriz extracelular entre as células. A epiderme é um epitélio estratificado pavimentoso queratinizado. Estratificado, pois é formado por várias camadas celulares, pavimentoso queratinizado, pois as células mais superficiais possuem formato achatado e são impregnadas da proteína queratina.

A epiderme geralmente possui quatro camadas: a camada basal, a camada espinhosa, a camada granulosa e a camada córnea.

  • A camada basal, também chamada de estrato germinativo, é a mais profunda das camadas epidérmicas. É formada por uma camada de células cúbicas, os queratócitos basais que possuem intensa capacidade de divisão celular, produzindo continuamente novos queratócitos e outros tipos celulares.


  • A camada espinhosa está localizada logo acima da camada basal. É formada principalmente por queratócitos que na base desta camada possuem forma poliédrica e no ápice forma achatada.


  • A camada granulosa é formada por algumas camadas de queratócitos achatados em processo de apoptose, ou seja, morte celular. Esta camada marca a transição entre a parte viva e morta da epiderme.


  • A camada córnea é formada por queratócitos mortos impregnados de queratina e lipídios, que conferem a esta camada resistência ao atrito e impermeabilização. Outra função desta camada é dificultar a entrada de micro-organismos. A camada córnea está em constante processo de descamação.


A epiderme, como todos os tecidos epiteliais esta ligado a um tecido conjuntivo por uma membrana basal.

Lembre-se que os tecidos epiteliais são avasculares e são nutridos a partir de nutrientes que se difundem de vasos sanguíneos presentes no tecido conjuntivo adjacente. No caso presentes na derme.

Um comentário: